Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Comandante Martins faz denuncia no Ministério Público de Santa Cruz do Capibaribe, referente a um suposto desvio de dinheiro Público e mau uso do Erário do Município.


O fato é que alguns Ex Guardas Municipais ao serem demitidos, procuraram a secretaria de finanças deste município para solicitar seu histórico financeiro de todos os anos que trabalharam nesta prefeitura, mas precisamente na secretaria de defesa social de Santa Cruz do Capibaribe, com o intuito de juntar documentações que comprovassem seu vinculo com o município para uma eventual ação de cobranças do 13º (decimo terceiro), salario e outras gratificações que tinha direito e nunca foram pagas. O fato é que após receber as documentações solicitadas, e ao analisar seu histórico financeiro, foi constatado que constava o pagamento do 13º (decimo terceiro), salario referente ao ano de 2018, como consta nos documentos em anexo, sendo que na realidade este pagamento nunca foi depositado em sua conta, sob ha qual era depositado todos os meses o seu salario. 

Assim tendo ciência que nunca receberam o devido valor do referido 13º (decimo terceiro) salario decidiram denunciar no Ministério Público em Santa Cruz do Capibaribe/Pe.


No quesito do mau uso do Erário, sabemos que o município tem sua frota quase toda locada com valores absurdos. Assim acontece com todos os automóveis que estão a disposição da Secretaria de Defesa Social deste mesmo município. Veículos esses com placas: OYR-3426, PGD-2103, PGL-1199. Assim posso afirmar que esses veículos estão sem condições mínimas de circulação e de segurança para os condutores e passageiros Guardas municipais, que usam esses carros como viaturas, bem como para todos os motoristas que circulam nas vias públicas, por não cumprirem as normas de segurança exigidas pela lei Federal, LEI Nº 9.503, DE 23 DE SETEMBRO DE 1997, (Código de Trânsito Brasileiro), fato este que pode ser provado por uma pericia técnica.

 Também vale salientar que esses veículos estão sem condições de estarem circulando nas vias públicas, por estarem com seus documentos atrasados, referente ao ano de 2018 e 2019, com varias multas, referente a infrações de trânsitos, e ainda com algumas RESTRIÇÕES JUDICIAS e BUSCA e APREENSÃO, um total desrespeito as legislações de trânsito. Portanto o município mesmo sabendo dessas irregularidades, matem contrato de locação com a empresa responsável pelas locações, assim configurando o mau uso do ERÀRIO da prefeitura do município de Santa Cruz do Capibaribe.

Fonte texto , vídeo e foto : Comandante Martins. 

Nenhum comentário

Últimas Notícias
© Todos os Direitos Reservados