Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Mais de 250 estudantes da rede municipal de Caruaru foram ao teatro, nesta sexta (15) A peça tem uma linguagem simples, harmônica, de amor e respeito ao próximo.




Plateia lotada, olhos atentos e muitos aplausos, foi assim a tarde dos mais de 250 estudantes da rede municipal de ensino que participam do Projeto de Arte/Educação: Um Movimento de Música, Dança e Teatro, e foram prestigiar o espetáculo “O Pequeno Príncipe”, do Grupo Ená Iomerê, apresentado, nesta sexta (15), no Teatro Rui Limeira Rosal, no Sesc Caruaru.

Os estudantes assimilaram com facilidade a linguagem e a mensagem enviada durante a encenação que tem como objetivo despertar o gosto pela arte, inclusive, no campo pedagógico.

Para a aluna, Ana Carolina, 13 anos, a peça além de encantadora, ainda ensinou muita coisa boa. “Nunca tinha assistido a uma peça como esta. Foi lindo e o melhor de tudo, é que volto para minha casa com uma visão de mundo com mais amor ao próximo e querendo que o projeto se expanda para outras escolas”, garantiu.

Atualmente, nove unidades de ensino estão sendo contempladas com Projeto de Arte/Educação: Um Movimento de Música, Dança e Teatro, mas de acordo, com idealizadora da ação, Maria Alves, a intenção é ampliar. “Queremos chegar ao máximo de escolas possível. É muito importante que os alunos aprendam a fazer arte e que tenham acesso ao teatro, pois assim, nós ajudaremos a formar cidadãos mais conscientes, críticos, éticos, com uma nova linguagem e uma nova leitura de mundo”, explicou.

Lucas Gabriel, 14 anos, não poupou os elogios e disse que o espetáculo foi um show a parte. “Muito bom. Para nós que gostamos de teatro e estamos inseridos nesse projeto artístico que acontece nas escolas, foi um aprendizado. O texto é de paz e, com ele, despertamos para o respeito e a boa convivência com as pessoas”, destacou.

A ida dos estudantes ao teatro se trata, justamente, do desdobramento do projeto. “Eles aprendem a fazer música e dança, por exemplo, na escola e a partir daí, começam a ter acesso ao teatro, assim vamos aperfeiçoar o elo entre arte e educação”, assegurou.

A peça “O Pequeno Príncipe” enfatiza que a vaidade e o egoísmo podem implicar na falta da qualidade de vida da sociedade como um todo e, além disso, o espetáculo  é um multiplicador de mensagens de otimismo, amor e humildade.


Fonte Arnaldo Felix.

Nenhum comentário

Últimas Notícias
© Todos os Direitos Reservados