Responsive Ad Slot

Últimas Notícias

latest

Campanha nacional de vacinação contra gripe começa no próximo dia 10 de abril Período de pré-campanha será voltado para crianças e gestantes

04/04/2019

/ Por Caruaru 24 horas

A Secretaria de Saúde de Caruaru inicia na próxima quarta-feira, 10 de abril, a Campanha de Vacinação contra a Influenza. Até o dia 31 de maio, todas as unidades básicas e centros de saúde estarão vacinando as pessoas do grupo prioritário. O “Dia D” da campanha está marcado para 04 de maio.

Este ano a estratégia será realizada considerando momentos específicos para a mobilização da população para a vacinação. No período de 10 a 19 de abril (pré-campanha), serão mobilizados os grupos prioritários de crianças e gestantes para a vacinação contra influenza, na ocasião, também ocorrerá a atualização da Caderneta de Vacinação com a oferta das demais vacinas do Calendário Nacional de Vacinação. 

A partir de 20 de abril, a vacinação contra influenza ocorrerá com a mobilização de todos os grupos prioritários em todo o país e, na ocasião, também ocorrerá a atualização da Caderneta de Vacinação das crianças, das gestantes e das puérperas com a oferta das demais vacinas do Calendário Nacional de Vacinação.

Os grupos prioritários para vacinação são compostos por: gestantes, mulheres no período de até 45 dias pós-parto, crianças de seis meses a menores de 5 anos, trabalhadores de saúde, povos indígenas, indivíduos acima de 60 anos, pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis ou que possuam condições clínicas especiais com apresentados de prescrição médica, professores da rede pública e particular, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.

 “A campanha tem como principal objetivo contemplar, com as doses da vacina, grupos prioritários e de maior vulnerabilidade.  A influenza, além de causar aqueles sintomas clássicos, como febre alta, nariz entupido, cansaço e dor no corpo, está por trás de complicações como pneumonia e infarto. Portanto, é muito importante prevenir”, alertou a coordenadora do Programa Nacional de Imunização – PNI, Sarah Rafael.

Nenhum comentário

Últimas Notícias
© Todos os Direitos Reservados