'Declaração de guerra ao partido', diz Wolney Queiroz sobre artigo de Tabata Amaral

[Podcast] 'Declaração de guerra ao partido', diz Wolney Queiroz (PDT) sobre artigo de Tabata Amaral

A posição da deputada paulista Tabata Amaral (PDT) após a votação da reforma da Previdência na Câmara federal continua a repercutir na legenda. Em entrevista à Rádio Folha, nesta segunda (15), o deputado federal Wolney Queiroz, presidente do PDT em Pernambuco, comentou sobre um recente artigo que a parlamentar publicou na Folha de S. Paulo, onde ela critica a decisão contra a reforma. 

"No artigo publicado por Tábata na Folha, ela já aborda outras questões da reforma da Previdência, mas que vão além. Acho que ela já está fazendo uma declaração de guerra ao partido", disse Wolney. 

Apesar da crítica, Wolney disse manter uma boa relação com os deputados divergentes. "Não tenho nada contra a deputada Tabata. É uma pessoa de grande valor, uma voz em defesa pela educação. Também sou amigo dos deputados que votaram a favor. Mas eu acho que a gente não pode simplesmente ignorar um voto que contraria a decisão partidária, porque de outra forma ela não vai ter qualquer valor. Na hora que a matéria foi votada era de se esperar que os deputados obedecessem a decisão do diretório nacional", ponderou.

"Todos eles estavam muito conscientes. Fizeram sabendo que havia um fechamento de questão e que haveria consequências", disse o deputado. "O rabo não vai abanar o cachorro. Um deputado não vai mudar todo o partido", afirmou.

FOLHA-PE

Postar um comentário

0 Comentários