“Quem está matando é o coronavírus; genocida é quem desviou o dinheiro da saúde”; afirma a ministra Damares Alves

DIRETO DE BRASÍLIA — A ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, falou com exclusividade ao Blog do Alberes Xavier e para Rede Pernambuco de Rádios. A Ministra revelou que tem procurado seguir a determinação do Presidente Bolsonaro. “Nada de ficar trancado em gabinetes criando normas, portarias, políticas públicas”. Seguindo essa orientação, os trabalhos são realizados em campo diretamente nos municípios. “Eu sou uma ministra que atende o vereador, o secretário municipal, que é quem está lá, que sabe o que acontece lá na ponta”, ressaltou.


Damares destacou a atuação do deputado federal, Bispo Ossesio (Republicanos), no estado de Pernambuco. “Vocês têm em Pernambuco um líder, o Brasil inteiro reconhece seu trabalho”, disse a ministra.


A ministra comentou a forma como a oposição critica a atuação do Governo Federal durante a pandemia. “O coronavírus não é culpa de Bolsonaro, quem está matando é o vírus”, disse. “Genocida é quem desviou o dinheiro da saúde”, continuou. “Como a gente está em pandemia pagando auxílio emergencial para 70 milhões de brasileiros, enviando dinheiro para hospital, para prefeito, para governador, sem interromper nenhuma obra. Isto é gestão, é combate a corrupção”, enfatizou Damares, ao Blog do Alberes Xavier.

 

Tags

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.