Carnaval: médico alerta sobre consumo de álcool em meio a tratamento com medicamentos

Feriadão à vista com a chegada do Carnaval, e uma dúvida sempre vem à tona: pode consumir bebida alcoólica durante tratamento de alguma doença por meio de medicamentos? Para esclarecer essa questão, o Dr. João André Sampaio, psiquiatra com especialização no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, traz algumas considerações.

“Beber álcool enquanto toma medicamentos de rotina pode ser perigoso e prejudicial à saúde por várias razões. Primeiramente, o álcool pode interferir na eficácia dos medicamentos, reduzindo sua capacidade de tratar adequadamente condições médicas. Além disso, o consumo de álcool em conjunto com certos medicamentos pode aumentar o risco de efeitos colaterais graves e até mesmo de intoxicação medicamentosa”, destacou o médico, que completou:

“Dados indicam que a combinação de álcool com medicamentos pode potencializar os efeitos colaterais, tornando-os mais intensos e até mesmo colocando a vida em risco. Por exemplo, o uso de álcool em conjunto com analgésicos, sedativos ou antidepressivos pode resultar em sonolência excessiva, tonturas, coordenação comprometida e dificuldade de concentração, aumentando o risco de acidentes”, destacou.

Além disso, o álcool pode prejudicar a absorção e metabolismo dos medicamentos, levando a níveis sanguíneos inadequados e reduzindo sua eficácia. Isso pode comprometer o tratamento de condições crônicas, como pressão alta, diabetes e doenças cardíacas. O médico também enfatiza sobre os possíveis efeitos colaterais quando se associa álcool e remédios.

“Sinais e sintomas de interação entre álcool e medicamentos podem incluir náuseas, vômitos, dor de cabeça, batimentos cardíacos irregulares, pressão arterial elevada ou baixa, problemas respiratórios e até mesmo convulsões. Em casos extremos, essa interação pode levar a complicações graves, como insuficiência respiratória, coma e até mesmo morte”, finalizou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com