Ex-ajudante de ordens de Bolsonaro é preso após criticar ministro do STF

Foto:Reprodução.

Mauro Cid, ex-auxiliar do presidente Jair Bolsonaro, foi preso após depor no STF sobre áudios onde criticava o Ministro Alexandre de Moraes e a PF.

O mandado de prisão foi emitido por Moraes devido a suspeitas de obstrução à Justiça. O caso suscitou debates sobre liberdade de expressão e independência do judiciário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com