Sebrae PE suspende missão de negócios voltada ao Polo de confecções e provoca crise diplomática com Portugal

Pernambuco acaba de sofrer um revés nos planos de internacionalização de uma de suas maiores cadeias produtivas, o polo têxtil e de confecções do Agreste. O mal-estar diplomático foi provocado pela suspensão, sem aviso prévio, de uma missão de negócios inédita a Portugal, que seria realizada nesta semana pela Câmara de Comércio, Indústria e Turismo Brasil-Portugal, com financiamento do Sebrae Pernambuco e apoio institucional da Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (Adepe). A missão  beneficiaria empresas de pequeno e médio portes de Caruaru, Santa Cruz do Capibaribe, Toritama e região.

Devido ao prejuízo provocado pelo cancelamento da missão internacional, a Câmara, entidade centenária com sede no Recife, notificará o Sebrae por “suspensão às vésperas do evento sem embasamento legal plausível” e “intenção de utilizar indevidamente o programa através de outra organizadora”, conforme nota veiculada no próprio site do Sebrae. A entidade destaca que a decisão “ensejará prejuízos de difícil reparação à Câmara”, responsável pela criação e desenvolvimento do programa técnico-empresarial.

Denominado de Fórum Bilateral do Setor Têxtil e de Confecções, o programa seria correalizado com a Enterprise Europe Network (EEN) e a Agência para a Competitividade e Inovação de Portugal (IAPMEI), parceiras institucionais da Câmara Brasil-Portugal. Ao todo, foram abertas 20 vagas para empresários do polo pernambucano, que seriam preenchidas conforme seleção pública lançada pelo Sebrae no dia 30 de agosto.

O presidente da Câmara, o advogado Antonio Mário de Abreu Pinto, detalha que a programação foi suspensa de forma unilateral, sem qualquer justificativa formal do Sebrae, a 20 dias da realização da missão em Portugal. A Enterprise Europe Network é a maior rede de internacionalização de pequenas e médias empresas do mundo, atua em mais de 60 países e é cofinanciada pela União Europeia. Já o IAPMEI é o órgão oficial do governo português para fomento das MPEs, assim como o Sebrae no Brasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com